Exalo um aroma suave: Aroma de Cristo!

Qual o aroma que temos deixado por onde passamos? "porque para Deus somos o aroma de Cristo entre os que estão sendo salvos e os que estão perecendo." 2 Coríntios 2:15

Quatro razões para passarmos por tempos difíceis

Atravessando-Tempos-Dificeis

1. Algumas vezes coisas difíceis acontecem conosco para que a glória e o poder de Deus possam ser revelados em nós e através de nós.

Quando Jesus passou por um homem que nascera cego, seus discípulos perguntaram se a cegueira era consequência do pecado dele ou de seus pais. Jesus respondeu: “‘Nem ele nem seus pais pecaram; mas isso aconteceu para que a obra de Deus se manifestasse na vida dele'” (Jo 9:3). Podemos não entender a razão de certos acontecimentos e talvez nunca saibamos por que temos de enfrentá-los até o momento de irmos viver com o Senhor, mas, quando nos voltamos para Deus Sua glória será vista neles e em você.

2. Algumas vezes Deus usa tempos difíceis para nos purificar.

A Bíblia diz: “Portanto, uma vez que Cristo sofreu corporalmente, armem-se também do mesmo pensamento, pois aquele que sofreu em seu corpo rompeu com o pecado” (1Pe 4:1). Isso significa que nosso sofrimento nos dias difíceis queimará o pecado e o egoísmo de nossa vida. Deus permitirá o sofrimento para aprendermos a viver para o Senhor, e não para nós mesmos; para buscarmos a vontade d’Ele, e não a nossa. Não é agradável no momento, mas o desejo de Deus é que “participemos da sua santidade” (Hb 12:10). O Senhor quer que deixemos de lado as coisas que desejamos e nos apeguemos ao que é mais importante na vida: ELE.

3. Algumas vezes nossa penúria é causada pela disciplina de Deus.

“Nenhuma disciplina parece ser motivo de alegria no momento, mas sim de tristeza. Mais tarde, porém, produz fruto de justiça e paz para aqueles que por ela foram exercitados” (Hb 12:11). O fruto que a disciplina e a poda piedosa produzem em nós vale o sofrimento que temos de enfrentar para obtê-lo, e é preciso cuidado para não resistir a elas e nem odia-las. “‘Não despreze a disciplina do Senhor, nem se magoe com a sua repreensão, pois o Senhor disciplina a quem ama, e castiga todo aquele a quem aceita como filho'” (Hb 12: 5-6).

4. Algumas vezes somos apanhadas em meio à obra do inimigo.

O inimigo se compraz em fazê-lo infeliz e tentar destruir sua vida. Não raro a razão para angústia, o sofrimento, a tristeza, o pesar ou a dor que você sente tem origem inteiramente nele, e não é sua culpa e de nem uma outra pessoa. Seu consolo está em saber que, ao louvar a Deus nessa situação, ele vai derrotar o inimigo e beneficiá-lo com isso de um modo que não pode sequer imaginar. Ele deseja que você ande com ele pela fé, enquanto o conduz através do problema. Deus o ensinará a confiar nele nesse processo.

Cada vez que você superar a dor e descobrir a bondade, a clareza, a paz e a luz do Senhor, sua fé crescerá. Deus o encontrará em meio ao seu sofrimento e não só o aperfeiçoará como aumentará sua compaixão pelos sofrimentos dos outros. À medida que viver na presença do Senhor, a glória de Deus será revelada em você.

A Bíblia da Mulher que ora – Stormie Omartian

“>

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 17 de agosto de 2013 por em Textos e marcado , , , .
Benditas

Teologia por e para mulheres!

UM DEDO DE PROSA

Penso, logo escrevo!

Bibliotecária Leitora

Fugindo dos estereótipos

%d blogueiros gostam disto: